domingo, 13 de setembro de 2015

Capitã Marvel: Rebecca Ferguson poderá viver a heroína



Escrito por: Matheus R. B. Hentschke


Após bastante tempo afastado do Critic Pop, retorno com algumas novidades: por um longo tempo o blog vem se estabelecendo com um foco majoritário em críticas de filmes e premiações relativas a sétima arte. Agora, a ideia é diversificar mais o propósito do CP e cuidar não só apenas do lado “Critic” do blog, mas também do lado “Pop” que foi deixado de lado. Mas, isso está prestes a mudar. Mais notícias sobre filmes e séries serão postadas, bem como algumas críticas de séries, além de um foco em listas e tops, tudo isso a fim de tornar a sua experiência no CriticPop mais completa. Sem mais delongas, vamos a primeira notícia do blog.



Depois do seu enorme sucesso em Missão Possível - Nação Secreta, a atriz sueca Rebecca Ferguson está sendo cotada para participar de diversos filmes de grande porte. Primeiro, foi sondada para ser o par romântico de Channing Tatum em Gambit, vindouro filme da Fox, o que não andou para frente, por assim dizer. Contudo, agora parece que a atriz está entre as principais cotadas na lista da Marvel Studios para viver a personagem título em Capitã Marvel.De acordo com o site Heroic Hollywood, ainda é possível que a atriz não tenha recebido nenhuma oferta oficial do estúdio, apesar da forte preferência. Sem dúvida, a possibilidade de ver Rebecca Ferguson no Universo Marvel como uma das principais heroínas da editora das ideias é uma notícia positiva, principalmente se levado em conta as demais opções.

A mais deprimente veio como um rumor/campanha na internet, sem nenhum vínculo com a Marvel Studios de que Ronda Rousey, lutadora de UFC e péssima atriz, como comprovado em Os Mercenários 3 e reconfirmado em Velozes e Furiosos 7, seria uma das possíveis candidatas a viver a Capitã Marvel. Obviamente, a ideia não chegou a gerar muitos frutos e nada passou de uma tímida campanha por parte de alguns fãs. As outras candidatas tinham nomes de maior peso: Charlize Theron e Emily Blunt. Entretanto, o maior problema de ter atrizes com uma visibilidade tão alta e uma carreira tão consolidada é que o cachê inicial já começaria alto e tenderia a dobrar, triplicar ou quadruplicar dependendo da receptividade da personagem junto ao público, assim como aconteceu com Robert Downey Jr. após o seu crescente sucesso.

Não só apenas esse problema permeia essas duas habilidosas atrizes e que sem dúvida alguma desempenhariam de maneira satisfatória o papel da Capitã, mas também o fato de ambas possuírem uma vasta agenda de filmes e muito possivelmente não gostariam de ver seus nomes vinculados a um trabalho que as prenderia por muitos anos. De encontro a isso, vai o fato da atriz Emily Blunt já ter sido convidada antes pelo Marvel Studios para viver a Viúva Negra nos cinemas; todavia, por conflitos de agenda recusou o papel que foi proposto e aceito por Scarlett Johansson.

Em suma, Rebecca Feguson é um grande nome para assumir o papel da Capitã Marvel e deve ser muito bem recebida pelos fãs da Marvel, visto o seu incrível trabalho em Missão Impossível: Nação Secreta, em que sua personagem Ilsa Faust rouba a cena, até mesmo, do próprio protagonista Ethan Hunt, vivido por Tom Cruise.

Capitã Marvel estreia nos cinemas em primeiro de novembro de 2018.

Hot Tip: Para aqueles que querem conhecer mais da personagem Carol Danvers (Capitã Marvel) nos quadrinhos, uma boa pedida é a sua elogiada fase na Marvel Now nas mãos da autora Kelly Sue DeConnick.       


Nenhum comentário:

Postar um comentário